| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

JORNAL AMATA
Desde: 13/06/2001      Publicadas: 1018      Atualização: 08/09/2017

Capa |  Altamira  |  AMATA ASSOCIE-SE  |  Castelo de Sonhos  |  Desmatamento na Amazônia  |  ECOLOGIA  |  Educação Ambiental  |  ESPORTES  |  Hidrelétrica de Belo Monte  |  HIDRELÉTRICA DO TAPAJÓS  |  Opinião  |  Política  |  Poluição  |  SAUDE  |  Transamazônica  |  Turismo no Xingu


 Opinião

  23/08/2012
  0 comentário(s)


O Belo Monte, obra política

Lula apoiando Dilma em 2010

Como entender a barragem do Belo Monte? Faz três semanas que estou encontrando a complexidade do projeto aqui em Altamira e só hoje, depois de dias e dias falando com pessoas, lendo artigos e informes, que tenho a convicção ter entendido do que se trata aqui. Trata-se de política de alto nível, no país continental e complexo que é o Brasil. Todo se passa em Brasília.

O Belo Monte, obra política
A determinação do governo Dilma para realizar a obra a qualquer custo é difícil entender. É claro que a consciência ambiental não é muito difundida na população do Brasil, seguindo o caminho dos EUA, porém o projeto tem impactos sociais fortes e viola os direitos humanos, o que parece em contradição com os valores do PT, o partido dos trabalhadores. Más como o PT chegou ao poder? Com a aliança com os empresários. Que foram os termos desta aliança? No seria a realização da obra do Belo Monte uma das condições do apoio ao PT?

É impossível negar que para muitos a situação material melhoro com a chegada ao poder do PT. Por isso, e pela historia de luta dos movimentos sociais que permitiram aquela acessão ao poder, estes movimentos são hoje divididos, entre os que apoiam ainda ao PT, achando que é melhor ter eles no poder que outros, e os que lutam para uma mudança mais radical e mais na linha da ideologia inicial do PT, socialista. Assim explico a divisão dos movimentos sociais em Altamira, aqueles que lutavam antes contra a barragem e hoje calam a boca quando se fala do tema, e até receberem dinheiro para suas ações comunitárias da empresa encargada da realização da obra.

É a única forma para mi de entender que uma obra como esta, denunciada pelos científicos, pelos indígenas, e pela uma movimentação internacional, pode estar hoje começada de maneira ilegal.

É muito importante então, e mais que nunca, ter uma visão política bem clara da situação. Achei muito tempo que a razão de realizar a obra era a mitologia moderna, do avanço da tecnologia e a exploração dos recursos. Se esta dimensão é aquela que percebe a maioria da população, manipulada com o concepto de progresso, a razão fundamental seria mais política. Más porque este inteires e esta pressão sobre o PT dos seus aliados? Parece claro: os recursos da Amazônia. Amazônia é ainda pouca explorada e muitos minérios dormem poucos metros abaixo da floresta e dos rios. O lucro potencial é imenso e o Belo Monte vai fornecer energia e força de trabalho para esta exploração.

Para manter-se ao poder nas próximas eleições em 2015 (ano programado para o inicio da produção de energia pelo Belo Monte!), o governo QUER Belo Monte. Por isso a pressa e o desrespeito das procederas legais, num contexto local de alta corrupção e conflitos de terras. Por isso a necessidade de aprender da política brasileira, da historia do país, do que esta acontecendo hoje, para lutar juntos para que não se realizaram obras como Belo Monte, más também para manter o progresso do país: não o progresso dentro da mitologia da modernidade, este já deve acabar; más bem o progresso da democracia, da luta pelo poder do povo que, ainda, esta em construção total aqui como no mundo inteiro.


  Web site: http://www.voyagenficelle.net/  Autor:   Sebastien Mayer


  Mais notícias da seção Complexo de Belo Monte no caderno Opinião
22/08/2012 - Complexo de Belo Monte - Desfazer tudo em Belo Monte?
As obras da hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, no Pará, que pretende ser a terceira maior do mundo, começaram em junho do ano passado. A Norte Energia, empresa responsável pela obra, diz que foram investidos até agora cinco bilhões de reais.Esse valor representa quase três vezes mais do que os recursos que o governo do Estado do Pará pretend...
22/03/2012 - Complexo de Belo Monte - A Luta continua
Por mais de 30 anos se estudou e se discutiu a construção da hidrelétrica de Belo Monte, na volta grande do Xingu, no Pará. Aliás, nenhuma hidrelétrica foi mais estudada e mais discutida que Belo Monte, seja em audiências públicas, em palestras, na imprensa e até na justiça, onde foram ajuizadas dezenas de ações, até mesmo para paralisar os estudos...
23/09/2011 - Complexo de Belo Monte - Artigo (Leonardo Sakamoto) - Belo Monte é a pedra no discurso de Dilma
Faço o que eu digo, não faça o que eu faço. Antes de prosseguir na crítica ao discurso de Dilma Rousseff na abertura da Assembléia Geral das Nações Unidas nesta quarta, quero deixar claro que dou todo o apoio à criação de um Estado Palestino, da mesma forma que uma ONU mais democrática e representativa da realidade é o único jeito de salvar aquela ...
04/03/2011 - Complexo de Belo Monte - Questão fundiária e ambiental são gargalos para preservação e desenvolvimento na Região do Xingu
A região do Xingu e da Transamazônica impactada direta e indiretamente pela hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, corre sério risco de não ter condições de se desenvolver de forma sustentável no longo prazo. Se os desafios logísticos e de infraestrutura estão sendo resolvidos com a construção da usina e a pavimentação da Transamazônica (BR-230), o d...
27/07/2010 - Complexo de Belo Monte - Há sinais bons e preocupantes nos dados de crédito
O BC divulgou hoje dados sobre a concessão de crédito às pessoas e às empresas. No primeiro semestre, o estoque de crédito aumentou 8%, chegando a 45,7% do PIB. Há poucos anos, o Brasil patinava em torno de 20%, mas agora o crédito vem aumentando. Sobre isso, muita gente me pergunta se o Brasil não está concedendo crédito demais, se as pessoas não ...
30/06/2010 - Complexo de Belo Monte - AVATAR DE BELO MONTE
O presidente Lula simplifica propositadamente a questão de Belo Monte. Homem inteligente que é, sabe que o que sustenta a barragem de dúvidas sobre a usina não tem a ver com a vinda de um "cineasta gringo". Simplificações são ótimas em épocas eleitorais, mas a verdade é que a usina está sendo tocada sem quaisquer dos cuidados ambientais, fiscais, e...
14/06/2010 - Complexo de Belo Monte - -BELO MONTE-Carta a ouvidoria da Eletronorte
Há anos eu e muitos moradores da região de Altamira, Vitória doXingu, Brasil Novo, Medicilândia e Uruará, aguardamos pela implantaçãoda Hidrelétrica de Belo Monte como única forma de desenvolver aregião, já que tanto a administração Federal como Estadual, temrelegado a região a segundo plano desde a implantação daTransamazônica....



Capa |  Altamira  |  AMATA ASSOCIE-SE  |  Castelo de Sonhos  |  Desmatamento na Amazônia  |  ECOLOGIA  |  Educação Ambiental  |  ESPORTES  |  Hidrelétrica de Belo Monte  |  HIDRELÉTRICA DO TAPAJÓS  |  Opinião  |  Política  |  Poluição  |  SAUDE  |  Transamazônica  |  Turismo no Xingu
Busca em

  
1018 Notícias